Jaboticabal registra primeiros casos de chikungunya

Jaboticabal registra primeiros casos de chikungunya

Jaboticabal continua lutando contra as arboviroses. Com as fortes chuvas, as equipes redobram os cuidados na eliminação de possíveis focos do Aedes aegypti e, cada vez mais, o apoio da população é fundamental para garantir que a cidade não sofra com uma possível epidemia de dengue, zika, chikungunya e febre amarela.

Poucos minutos de atenção são suficientes. O número de larvas que estão sendo encontradas nos bairros de Jaboticabal preocupa e agora, mais uma vez, reitero a necessidade da colaboração de todos”, afirma a secretária de Saúde, Maria Angelica Dias.

A doença – Fique atento! Seus sintomas são semelhantes aos da dengue: febre, mal-estar, dores pelo corpo, dor de cabeça, apatia e cansaço. Porém, a grande diferença da febrechikungunya está no seu acometimento das articulações: o vírus avança nas juntas dos pacientes e causa inflamações com fortes dores acompanhadas de inchaço, vermelhidão e calor local.

Apresentando os sintomas, é fundamental procurar uma unidade básica de saúde. Além de iniciar o tratamento, nossos agentes são notificados para ações preventivas no bairro onde o caso aconteceu”, finaliza Maria Angelica.

 



Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>